O efeito do aumento da retenção da osmose reversa

Como funciona a Osmose Reversa (OR)?

A osmose reversa é um processo de separação e concentração. A água com impurezas é transportada por uma membrana semipermeável sob pressão e, parte desta água atravessa a membrana (permeado), deixando praticamente todas as impurezas retidas na água restante (concentrado), que é direcionada para o dreno. A proporção de água de entrada que se torna permeado é conhecida como a taxa de retenção da OR (geralmente expressa em porcentagem).

Quando é que podemos ajustar a retenção da osmose reversa?

A taxa de recuperação da OR pode ser aumentada se a água que entra no equipamento estiver livre de impurezas de baixa solubilidade, quer por terem sido removidas por pré-tratamento ou devido à ausência desses contaminantes da água de entrada. Por outro lado, se a qualidade da água de alimentação cair ou se o sistema de pré-tratamento falhar, a taxa de recuperação pode ser reduzida para evitar a danos à membrana.

Benefícios do aumento da retenção da osmose reversa

A principal razão para o aumento da taxa de recuperação é desperdiçar menos água para dreno. No entanto, nem sempre isto é possível, principalmente devido à qualidade da água de alimentação.

Quando aumentar a retenção é uma opção viável?

É difícil termos uma resposta definitiva, uma vez que cada água de alimentação é diferente em relação a sua composição, mas, em geral, para as unidades que são alimentadas com água com baixa quantidade de contaminantes. É possível fornecer informações mais precisas a partir de análises completas da água de entrada, com resultados de índices de turbidimetria da água de entrada.

Share